Et Caetera

Espaço para produções textuais minhas, suas ou para simplesmente contar como foi o dia...

Minha foto
Nome:
Local: Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil

eu sou uma atriz ou eu sou uma gaivota?

segunda-feira, novembro 06, 2006

Reticências

Havia um grande espaço no chão da sala coberto por papel branco. Ela adorava estar ali, seus pais preparavam aquilo para ela desenhar. Mas a menina tinha pena de acabar com a brancura do chão, então ficava lá deitada, esperando o tempo passar.
Aquela cor branca lhe dava paz e ela se sentia cada vez mais absorvida por aquele lugar. Até que um dia resolveu absorver aquela brancura. Começou a rasgar o papel e a prová-lo, então o engoliu e antes de perceber o seu gosto ruim, sentiu uma pancada na canela e ouviu:
“Vai para o castigo, agora!”
O castigo era ficar trancada no seu quarto e o repressor era seu pai. Mal ele sabia que Gabriela descobriria sozinha que comer papel não é bom.

3 Comments:

Blogger [Mari]ana said...

Oi, Fernanda! Que ótimo entrar no seu blog e ainda por cima dar de cara com Gabi! Tomara que dê super certo... acho que não preciso te dizer que você escreve bem, seria chover no molhado, ainda mais vindo de mim, que leio textos seus quase a toda hora... Beijo menina!

6:22 PM  
Blogger Lascas de realidade said...

Impressionante! Apenas isso... mas como um "impressinante" deve ser bem colocado, segue a explicação:

Eu acho que essa sua rápida "crônica!?" (não sei ao certo o que seria) monta uma bela analogia a algumas das propostas modernas. A maneira como a personagem come o mundo (papel) e como o devora, experimentando o seu sabor - "peculiar" e, mais tarde, que não é bom - é fantástica. E, depois surge o pai. quer melhor objeto de repressão simbólica que ele? E este a supreende e a impossibilita descobrir o "real" sabor do mundo. De um mundo de papel mastigado por sua própria boca...

sei lá, devo ter pirado, mas é que achei bárbaro o texto.

beijos

8:09 AM  
Blogger Rafael said...

Muito bom, menina.

6:36 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home