Et Caetera

Espaço para produções textuais minhas, suas ou para simplesmente contar como foi o dia...

Minha foto
Nome:
Local: Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil

eu sou uma atriz ou eu sou uma gaivota?

quinta-feira, agosto 13, 2009

Quando Morrer

Quando eu morrer voltarei para mergulhar ainda mais fundo.
E talvez as minhas cinzas ainda estarão boiando em ti, Oh Mar!
Quando voltar para saciar este insaciável infinito.
voltar
vazio
voltar
escuro
claro
voltar
bravio
sujado: que limpa
entremeados das loucuras terranas
terraquea que sou
saio corro
e não vou além
não é que não vou
não é bem assim
já havia te dito
que não ia.
quando eu morrer
quizas...
volto e vou.
chego até lá.
sem nem avisar.

entre!
aberta
entreaberta a porta do inferno
da chama
de fogo
chama
a voz
de Deus
do Mar
da Terra, da água
sou tensa, sou flutuante: sou de água.
sou firme, sou presa: sou de terra.

5 Comments:

Blogger S A N J O said...

"sou tensa, sou flutuante: sou de água.
sou firme, sou presa: sou de terra".

Me gustó mucho tu poesía!!

adorei!! voce teim muito sheito ¿nao?

6:40 PM  
Blogger fabiano Silmes said...

Que texto lírico Fernanda!...Nossa é sempre inspirador encontrar trabalhos assim...feitos com a fina pena da criação.

Abraços!EVOÉ!!

www.vortexproject.blogspot.com

3:59 PM  
Blogger Henrique said...

uau... que lindo esse. que questionamentos e que momentos.
beijos.

1:39 AM  
Blogger Cacau said...

Adorei!
Parafraseando Wando: "você é fogo e eu sou paixão!" E no caso nós duas somos paixão!!! rs Beijos

3:14 PM  
Blogger Fernanda Paixão said...

vc é fogo e paixão, né?
heheh

5:29 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home